Você sabe a diferença entre faturamento e lucro?

Lucro e faturamento não são a mesma coisa; entenda a diferença

06-06-2017

diferenca-faturamento-e-lucroFoto: Shutterstock

É comum pessoas confundirem o significado de lucro e faturamento. Mas vamos te ajudar a não cometer este erro dentro do seu negócio, afinal é muito importante ter total compreensão sobre todos os conceitos financeiros para que o funcionamento da empresa seja garantido.

A soma de todos os valores arrecadados por uma empresa pela realização de sua atividade comercial é o faturamento total da organização. Seja vendendo bens ou prestando serviços, tudo o que a companhia arrecadou será o seu faturamento. Ele pode ser avaliado desde o início do negócio ou periodicamente, por ano, mês e até mesmo semana: basta verificar tudo o que foi vendido e somar.

Quando o faturamento está em alta, revela que os esforços da empresa estão no caminho certo. É fundamental que a organização o avalie constantemente, pois o valor também servirá como base para o cálculo do montante a ser pago ao Governo em impostos – evitando problemas legais.

O lucro, por sua vez, é o montante financeiro que sobrou daquilo que foi faturado, deduzindo todas as despesas operacionais e tributárias de uma empresa, como salários, aluguéis, água, luz, telefonia, manutenções e impostos. De forma simplificada, é tudo o que a organização recebe, menos tudo o que paga.

Há o lucro bruto e o lucro líquido. Para diferenciá-los, é preciso entender o que é custo fixo (despesa mensal, da qual o valor não depende da quantidade de bens produzidos ou serviços prestados) e o custo variável (despesa que varia de acordo com a quantidade de serviços prestados ou de bens produzidos). O lucro bruto é igual ao valor faturado menos a soma dos custos variáveis. Já o líquido, é igual ao valor faturado menos a soma dos custos variáveis, dos custos fixos e dos impostos.

É importante ressaltar que nem sempre um alto faturamento garante a geração de lucro. Para isso, a empresa precisa conhecer todas suas despesas fixas e variáveis. Assim, procurará faturar o necessário para cobrir os custos. Sendo assim, para que haja retorno de investimento garantido, é necessário que a organização tenha um planejamento financeiro e saiba controlar as despesas operacionais, de forma que, quando a operação tiver que passar por mudanças, não exista empecilhos para isso.

Veja também:
» Quero que minha empresa cresça: as principais notícias sobre gestão, mercado, marketing, estratégia e finanças
» Conexões: os cases de sucesso que indicamos conhecer
» Cursos online que disponibilizamos para você e seus funcionários
» Construindo Equipes: anuncie suas vagas gratuitamente conosco
» Desenvolvimento: as ferramentas essenciais para gerir o seu negócio

CONTEÚDO RELACIONADO

Notícias e Atualidades

Marketing com influenciadores é uma boa opção para meu negócio?

Notícias e Atualidades

SEO para YouTube: otimize seus vídeos e alcance mais pessoas

Desenvolvimento

Estratégias de Criação de Valor

Desenvolvimento

Vantagem Competitiva – Valor do negócio como diferencial

O que você achou desta matéria?

O QUE A GENTE PODE FAZER PELA SUA EMPRESA, HOJE?

Para tornar nossos conteúdos cada vez mais atrativos, responda nossa pesquisa e nos conte quais temas são mais relevantes para o seu desenvolvimento

RESPONDER

JÁ RECEBE A NOSSA NEWSLETTER?

Para receber gratuitamente as notícias que interessam a quem tem negócios, insira um endereço de e-mail:

CADASTRAR