Reduza custos sem diminuir a qualidade

4 práticas para reduzir custos sem afetar a qualidade dos produtos e serviços em uma empresa.

17-05-2016
reduzir-custos-sem-diminuir-qualidade-noticiasFoto: Shutterstock

Quais são os esforços realizados pela sua empresa para reduzir custos? Em momentos de dificuldades, é fundamental estudar os processos executados pelos colaboradores, com o objetivo de identificar gastos desnecessários.

Para o professor de Finanças do Ibmec/DF e sócio diretor da Valorum, Marcos Sarmento Melo, o segredo está na informação: 'quanto mais você se esforçar para buscar informação a respeito de tudo em sua empresa, conseguirá ter uma queda no custo e, talvez, até melhorar a qualidade.'

Acompanhe a seguir 4 práticas recomendadas por Melo para reduzir custos sem diminuir a qualidade:

1. Fique atento ao mercado
É importante que o empreendedor esteja atualizado sobre as novas tendências e acontecimentos do mercado. Segundo o professor, muitas empresas trabalham com os mesmos fornecedores durante anos, o que pode não ser saudável. 'Não se dar ao trabalho de verificar se há coisas novas não é bom, pois podem surgir novas soluções com custo menor ou igual'. A dica é não perder as referências do mercado em relação aos custos.

2. Implante processos
Para Melo, é necessário orientar o setor de compras para que a busca por preços menores seja um processo contínuo na companhia. 'Se você fizer o esforço de procurar, certamente irá reduzir bastante os custos'. A regularidade do processo varia de acordo com a empresa e o setor em que atua: 'você pode programar uma vez por mês, por exemplo, ou diariamente, se o volume de mudança nos preços for muito grande.'

3. Faça um bom planejamento
'Pense bem o que realmente você vai cortar e qual será o impacto disso', aconselha Melo. Depois, chame a equipe, explique a situação, coloque as suas sugestões e peça aos integrantes que contribuam com ideias também. 'Assim, eles se sentirão engajados no processo de corte de custos.'

4. Tenha um controle do fluxo de caixa
Segundo o professor, com um bom controle do fluxo de caixa, é possível conseguir analisar qual é a evolução dos valores e quais itens estão sendo desnecessários para o crescimento da empresa. 'Não precisa ser algo sofisticado, mas você só conseguirá ter a percepção se os valores estiverem dentro de uma ferramenta adequada.'


Leia também:

» Como otimizar processos e reduzir os custos da sua empresa
» Vídeo: Como fazer Gestão Estratégica de Custos




CONTEÚDO RELACIONADO

Notícias e Atualidades

Expansão internacional: por que as empresas querem ir para fora do país?

Notícias e Atualidades

Como a fusão de empresas movimenta a economia brasileira?

Desenvolvimento

Orçamento Base Zero

Desenvolvimento

Educação Financeira: o empreendedor, a empresa e o fluxo de caixa

O que você achou desta matéria?

O QUE A GENTE PODE FAZER PELA SUA EMPRESA, HOJE?

Para tornar nossos conteúdos cada vez mais atrativos, responda nossa pesquisa e nos conte quais temas são mais relevantes para o seu desenvolvimento

RESPONDER

JÁ RECEBE A NOSSA NEWSLETTER?

Para receber gratuitamente as notícias que interessam a quem tem negócios, insira um endereço de e-mail:

CADASTRAR