5 dicas para planejar a sucessão familiar nos negócios

Manter uma empresa familiar por gerações é mais comum do que você imagina – mas é importante ter uma estratégia para garantir o sucesso

13-03-2018

Sucessão


Empresas gerenciadas por famílias integram a lista das que mais prosperam na economia brasileira e mundial. Quer alguns exemplos? Ford, Walmart, Cargill, News Corp – todas são organizações familiares.

Manter o negócio de geração em geração é mais comum do você imagina, mas dados apontam que a sucessão pode ser um processo crítico – algumas vezes, pode levar à falência da empresa.

Das que passam por essa fase, uma fatia ainda menor chega à terceira geração. Para aumentar a longevidade e sucesso de empresas geridas por pessoas da mesma família é importante ter uma estratégia no momento da transição.

Neste artigo, elencamos cinco dicas para planejar a sucessão familiar nos negócios.


1. Discuta o assunto em família

Muitas vezes, a sucessão é um assunto delicado e que acaba sendo postergado por mais tempo do que deveria. Portanto, proponha uma reunião para saber se todos os envolvidos concordam que já está na hora de passar o comando do negócio para um sucessor e sobre quem será capaz de assumir esse cargo.


2. Crie um plano de sucessão

A sucessão tem poucas chances de dar certo se alguém assumir os negócios da família da noite para o dia. Crie um plano e atribua, aos poucos, as tarefas da empresa ao sucessor escolhido para ocupar o cargo.

A iniciativa ajuda quem assume o posto a ter mais confiança, bem como quem entrega o bastão a se acostumar com mais facilidade à ideia de deixar a cadeira principal.


3. Conheça bem a empresa

O mais indicado é iniciar o processo de sucessão muito antes da transição oficial. Por isso, o nome a assumir o posto mais alto da companhia deve aproveitar esse tempo para conhecer bem a empresa.

O sucessor precisa estudoar com afinco o segmento de atuação da sua companhia no mercado e procurar compreender como funciona cada aspecto do seu negócio.


4. Tenha ao lado as pessoas certas

O sucessor deve criar um conselho administrativo com profissionais competentes. Ele precisa ter ao seu lado pessoas confiáveis e eficientes.

Isso vai ajudar a aliviar a pressão do cargo e proporcionará uma gestão mais eficiente.


5. Busque apoio e acompanhamento

O mercado oferece grande variedade de consultorias especializadas no processo de transição. Empresas que dão suporte no planejamento da sucessão familiar e que acompanham todo o processo de perto.


Como lidar com os desafios da sucessão familiar no agronegócio

CONTEÚDO RELACIONADO

Notícias e Atualidades

5 dicas de organização do ambiente de trabalho para ficar de olho

Notícias e Atualidades

4 motivos para utilizar documentos digitais e organizar a empresa

Desenvolvimento

Como usar legalmente remuneração variável?

Desenvolvimento

O que um acordo de acionistas precisa conter?

O que você achou desta matéria?

O QUE A GENTE PODE FAZER PELA SUA EMPRESA, HOJE?

Para tornar nossos conteúdos cada vez mais atrativos, responda nossa pesquisa e nos conte quais temas são mais relevantes para o seu desenvolvimento

RESPONDER

JÁ RECEBE A NOSSA NEWSLETTER?

Para receber gratuitamente as notícias que interessam a quem tem negócios, insira um endereço de e-mail:

CADASTRAR